PMG ARQUITETANDO POR AÍ

PMG ARQUITETANDO POR AÍ
Aqui, o assunto é transformar rotinas engessadas, visando a melhoria da qualidade de vida dos envolvidos. Como assim? Com conhecimentos arquitetônicos aliados à técnicas de organização, residenciais ou comerciais, espaços são reestruturados com custo bem inferior ao previsto. Seja sua necessidade tamanho p, m ou g, entre, conheça um pouco dessa história e encontre respostas para modificar a sua. Aguardo você!!

03/04/2016

TUDO SOBRE CABIDES



Priscila Sabóia, um show de organização!!




Não, gente! A tatoo não é minha. É da PO* carioca Priscila Sabóia que, "intimada" pela pmg, bem no meio da sua diversão, concordou em nos enviar uma imagem para que fosse, aqui, compartilhada. Tatoo ligada à sua atuação profissional? Isso é que é gostar do que faz. Querem saber o melhor? Se era para demonstrar seu amor pela organização, nem precisava da tatoo. A sua paixão pela atividade escolhida, transborda pelos seus belos olhos e está estampada no seu lindo sorriso. *Personal Organizer
Ainda que ela não soubesse, foi a sua "marca" que nos levou à escolha do tema de hoje. Após nos conhecermos, nada mais oportuno que tratarmos do carro chefe da organização pessoal: cabides. Mesmo que não se tenha todos os itens, rigorosamente, organizados, cabides iguais, de tamanhos adequados e de boa qualidade, já melhoram o visual. E para que melhorar o visual dos armário? Numa abertura de portas, poder-se-a visualizar todas as roupas penduradas. Se tempo é dinheiro, melhor economizarmos...




"Escolher o cabide ideal não só ajuda na organização do seu armário/closet como conserva a qualidade das suas roupas por mais tempo." pmg 





Fácil como uma embalagem de lápis de cor...


Idenpendente da escolha do tipo de cabide, tenham três coisas em mente: 
1. Harmonia: precisam ser todos iguais (mesma cor e tamanho); 
2. Manuseio: devem estar com os ganchos voltados para dentro; 
3. Visualização: uma peça de roupa por cabide (situação ideal).   







Apesar de ocuparem muito espaço, os cabides de madeira são os nossos preferidos. Elegantes e fortes, encaram qualquer situação, atendendo tanto as peças leves, quanto as mais pesadas. Contudo, com a redução dos espaços dos armários contemporâneos, fica difícil fazer essa opção. 







Já os cabides de acrílico, sendo de boa qualidade, são bons aliados e deixam uma ar de leveza na organização. Perfeitos para bermudas e saias quando equipados com presílhas fixadoras. Caso não tenham sido preparadas de fábrica, protejam-nas com um pedacinho de feltro auto adesivo.  







Se o problema for falta de espaço, os cabides de veludo, solucionam quase tudo. Porém, não têm resistência para resolver a acomodação das roupas pesadas. Onde adquiridos, procurem pelas presilhas para fixação. Existem comentários, no mercado, que os de cores mancham as roupas brancas. 







Os cabides de metal, se de boa qualidade, não enferrugem e possuem um preço bem convidativo. Apresentam resistência satisfatória, mas não resolvem todos os problemas. Ainda que tenham um fenda na superfície, roupas muito leves ou de alças, costumam cair com a movimentação. 







Apesar de sempre disponíveis no mercado, os cabides de plástico precisam ser adquiridos com muita atenção. Quando de baixa qualidade, são tão fracos que podem quebrar com o manuseio. Se precisarem adquirir, antes, tentem dobrá-lo ao meio (s/ finalizar a tarefa!) para testar a resistência. 







Finalmente, os cabides anatômicos, por apresentarem uma extrutura resistente, são ideais para ternos, blazers e casacos. Essas peças do vestuário costumam ser entregues com os cabides das lojas. Caso percebam que estão em harmonia com os demais, podem conservá-los.






1. Camisas, casacos e blazers; 2. Conjuntos c/ calça*; 3. Conjunto c/ saia; 4. Vestidos tomara que caia, saias e calças; 5. Calças de tecido*; 6. Calças em locais de pouco espaço; 7 e 9. Gravatas e cintos; 8. Lenços e echarpes; 10. Vestidos e blusas de alcinhas; 11. P/ espaços reduzidos.

*Caso a calça tenda a escorregar, colem dois pedaçinhos de fita dupla face.



Voltando à nossa colega inspiradora, deixamos aqui a chamada para o seu canal do youtube lançado na quinta passada. Apesar de já termos assistido o vídeo #1, foi a criatividade/simplicidade do seu convite para o lançamento do canal que nos encantou. Se desejarem conferir, basta clicarem na janela abaixo. E, principalmente, para os amigos do Rio de Janeiro que precisem melhorar as suas rotinas, seguem abaixo todos os seus contatos nas redes sociais. Encantados também? Fácil contactá-la. Sucesso, Priscila! 
   

"NÃO REPARA NA BAGUNÇA" - novo programa semanal toda quinta às 19h




Facebook: facebook.com/reorganize
Youtube: blogreorganize
Istagram: @priscilasaboia.reorganize
Snap: priscilasaboia
Email: priscila@reorganize.com.br






Fonte imagens: INTERNET

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário...